domingo, 14 de março de 2010

14 DE MARÇO - DIA MUNDIAL DA POESIA

No Dia Mundial da Poesia o blog homenageia duas importantes figuras de São José de Mipibu, craques nas faculdades poéticas.

Trata-se de Edna Gomes e Arlindo Izaías, uma poetisa e um poeta, coisa rara de se ver por aqui na terrinha.


Profa. Edna com a neta Lícia ao lado da tia Nica

Edna Gomes é uma mipibuense de origem rural.

Nascida e criada na comunidade de Japecanga, outrora conhecida como a terra da rapadura, Edna é hoje técnica pedagógica do estado e coordenadora pedagógica do município de Natal e da Escola Angelina de Farias em São José de Mipibu.

Guarda num baú verdadeiras pérolas escritas com saber e maestria, cuja publicação, esperamos nós, um dia seja realizada.

Arlindo Izaías posando no Recanto do Poeta
Arlindo Izaías é daqueles mipibuenses idealistas e sonhadores, homem de fibra e de raro talento na escrita de poemas.

Apesar das grandes dificuldades enfrentadas por quem produz cultura por aqui, Arlindo já escreveu e publicou dois livros de poesia, sendo hoje uma referência literária em Mipibu.

Com imenso prazer publicamos abaixo duas poesias escritas por eles, homenageando dessa forma os poetas de todo o mundo.

MIPIBU
Autora: Edna Gomes

Ontem apenas uma aldeia
Distante da civilização
Banhada por rios cristalinos
E muita vegetação
À sombra da mata atlântica
Pulsava teu coração

Teus casarões e sobrados
São lembranças de um tempo
As chaminés dos engenhos
Resistindo a ação do vento
Vestígios de uma época
Lembrados neste momento

E a mata deu lugar
A outra vegetação
A cana foi se alastrando
Aqui nesse nosso chão
Mudou a tua paisagem
Fez sofrer teu coração

Os anos foram passando
E a aldeia cresceu
Tornou-se vila, cidade
Como se desenvolveu
Mas a nossa Mata Atlântica
Esta desapareceu

Cidade calma tranqüila
És bela por natureza
Teus casarões centenários
Realçam a tua beleza
Hoje acolhem em teu seio
Os filhos da incerteza

Qual será o teu futuro
Teus filhos rezam por tu
Que Santana te proteja
Diante deste céu azul
Não importa o que aconteça
Eu te amo MIPIBU!

**************************************

PEDACINHO DO BRASIL
Autor: Arlindo Izaías


Sou vitima, do descaso
Sou injustiçada e, torturada
Sou um pedacinho, mal amado
Sou São José de Mipibu

Sou um pódio, por natureza
Sou pedacinho promissor
Sou terra pra todos
Sou um porto acolhedor

Meu povo é resistente
Bravo e cheio de fé
Sou pedacinho do Brasil
Coberto por um manto
Estrelado e azul
Sou forte
Sou São José de Mipibu.

3 comentários:

  1. Amuary,NÃO entendi porque há uma AGENDA doada pela prefeitura aos professores, e para nosso "espanto" Não contém esta bela poesia, só que há tambem no municipio um dicionario da outra gestão onde esta poesia se encontra publicada!!!
    Vai entender!!!
    catarina Pinheiro

    ResponderExcluir
  2. Arlindo a familia Guerra te homenageia.
    Ass: Vitorio Guerra

    ResponderExcluir
  3. Arlindo sucessssssssssssso
    Nadja

    ResponderExcluir